Ajudar crianças afetadas pela crise do Boko Haram

Nos últimos anos, a violência do Boko Haram propagou-se da Nigéria aos Camarões. Foram destruídas casas e famílias, os agricultores foram obrigados a abandonar as suas terras. O acesso aos serviços básicos – como a educação ou a saúde – estão em risco. A região do extremo Norte, que já era uma das mais pobres dos Camarões, é a mais afetada: mais de um terço da população tem fome.

As refeições que partilharam ajudaram a dar refeições escolares a 25.000 crianças afetadas pela violência do Boko Haram. Com idade entre os 4 e os 13 anos, as crianças vivem em Logone e em Chari, a região mais a Norte dos Camarões. De momento, não têm refeições escolares por falta de financiamento. Juntamente com o World Food Programme (Programa Alimentar Mundial das Nações Unidas), podemos ajudar a garantir o acesso à alimentação e à educação dessas crianças.

O nosso impacto

Em fevereiro de 2017, foi declarada a situação de fome em várias zonas do Sudão do Sul. Em pouco mais de um mês, conseguimos levar a cabo uma campanha de emergência que nos permitiu levar 1 milhão de refeições à população afetada pela fome.

Juntos, angariámos fundos para dar refeições escolares a 58.000 crianças no Malawi. O país foi violentamente afetado pelo fenómeno climático El Niño.

As refeições que partilhou entre junho e julho de 2016 estão a ajudar as crianças refugiadas sírias no Vale Bekaa do Líbano. 1.500 crianças, muitas das quais a viver em condições terríveis, vão receber assistência alimentar durante um ano inteiro.

No ínicio de 2016, conseguimos levantar recursos para apoiar 1.400 crianças sírias de três a quatro anos que se encontram refugiadas em Beirute. Graças ao seu apoio, alcançamos este objetivo em menos de 7 semanas!

Entre janeiro e abril de 2016, angariámos fundos para apoiar 2.000 mães e os seus bebés em Homs, na Síria, durante um ano inteiro.

Em Novembro e Dezembro de 2015 reunimos fundos suficientes para, durante 1 ano inteiro, fornecermos refeições escolares a 20.000 crianças sírias carenciadas do campo de refugiados de Zaatari.

Durante 2015 todas as refeições partilhadas foram fornecidas às crianças das escolas do Lesoto. Com a ShareTheMeal e os doadores, conseguimos assegurar fundos para alimentar todas as crianças das escolas até meados de 2016. Em Novembro e Dezembro de 2015 reunimos fundos suficientes para, durante 1 ano inteiro, fornecermos refeições escolares a 20.000 crianças sírias carenciadas do campo de refugiados de Zaatari.